Será que a água doce do planeta vai acabar? Veja neste artigo, a realidade sobre o assunto! | Hidroenergia Engenharia e Automação

Topo

+55 55 3331-1201

atendimento@hidroenergia.com.br


Será que a água doce do planeta vai acabar? Veja neste artigo, a realidade sobre o assunto!

Postado em: 29 de março de 2018

A água vai acabar? descubra a verdade sobre esse assunto!

Corremos risco de a água doce no nosso planeta acabar? Será isso uma realidade próxima ou apenas “intriga da oposição”? veja neste artigo a realidade sobre esse assunto. É claro, com muito embasamento!

Terra, planeta água

 

Não tem como ouvir ou ler esta frase sem lembrar-se da clássica canção do Guilherme Arantes que marcou especialmente as décadas de 80/90, não é?

Foi justamente nesta época que o movimento ambientalista começou a ganhar força nos Estados Unidos e depois no Brasil, alertando especialmente para os riscos da emissão de CO2 para a camada de ozônio (oriundo da poluição) e sobre a necessidade do consumo de água consciente para evitar escassez futura.

Então, todos nós sabemos bem como tudo isso funcionou: foram realizadas muitas campanhas e movimentos nas escolas, comunidades em geral, pelo Estado e, especialmente através da mídia, para o consumo consciente da água doce.

Paralelamente a este movimento, outro um pouco mais silencioso ia aparecendo: o de cientistas e pesquisadores que afirmava categoricamente que a água não é um recurso caro, escasso e raro. E que a tecnologia e a ciência unidas e bem ordenadas a seu fim certamente iriam impedir qualquer risco neste sentido.

E é deste movimento que vamos tratar aqui. É muito importante lembrar-se de algo que é pouco visto até mesmo nas escolas e comunidades científicas:

Existem imensos lagos subterrâneos de água doce em todo o mundo.

Veja neste mapa a dimensão dos maiores aquíferos do Brasil, o Guarani (maior em extensão de água) e o Alter de chão (o maior em volume de água):

Aquiferos no Brasil - Guaraní e Alter no Chão

Aquiferos no Brasil – Guaraní e Alter no Chão

 

Já é surpreendente. Mas isso é só do Brasil.

Recentemente, pela primeira vez desde 1970 quando um grupo internacional de hidrólogos tentou produzir uma estimativa das reservas totais de águas subterrâneas na terra, este cálculo foi realizado novamente e resultou num estudo que fornece dados para áreas de recursos hídricos, política, hidrologia, ciência atmosférica, geoquímica e oceanografia.

De tirar o fôlego.

O estudo recente foi realizado na Universidade de Vitória, no Canadá, e utilizou cerca de um milhão de bacias hidrográficas como fonte e mais de 40.000 modelos de águas subterrâneas.

A conclusão? 

23 milhões de quilômetros cúbicos de água subterrânea.

Isso, se possível, corresponderia a alagar todos os continentes do mundo com profundidade de 180 metros!

E não para por aí: além deste estudo, uma descoberta mudou drasticamente a ideia enraizada de que “70% da água do planeta é salgada e o processo para dessalinizar é caro”.

Pesquisadores do Reino Unido, da Universidade de Manchester, produziram uma espécie de peneira de grafeno que remove o sal da água do mar a baixo custo. A invenção, segundo a BBC, tem o potencial de ajudar milhões de pessoas sem acesso direto à água potável.

Os resultados da pesquisa foram divulgados na renomada publicação científica Nature Nanotechnology.

O grafeno é uma das formas cristalinas do carbono, como o diamante e o grafite, mas muito fácil e barato de produzir. O líder da pesquisa também afirmou à BBC que o grafeno pode ser produzido em laboratório: “O óxido
de grafeno pode ser produzido por simples oxidação em laboratório”.

Ou seja: se tem um recurso que não é escasso e, por isso, o seu uso não prejudica o meio ambiente, muito menos as gerações futuras, é a água.

E, logicamente, a energia elétrica gerada por hidrelétricas é uma via segura, de responsabilidade ambiental e feita a partir de um recurso que não vai acabar.

Fazemos questão que você saiba que a Hidroenergia alia, além do compromisso com o cliente e a competência no mercado, conhecimento científico e tecnológico naquilo que faz – pensando em você e em cada pessoa de bem do nosso país que merece saber muito mais do que a grande mídia divulga.

 

Fontes:

http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=mapa-mundi-aguas-subterraneas&id=010125151117#.Wk6x81SnHIV

http://midiasemmascara.org/arquivos/2016-05-20-16-16-47/

Deixe o seu comentário: